A alma do negócio

Se existe uma frase que conhecemos muito bem e jamais deixaremos de ouvir é: “A propaganda é a alma do negócio.” Isso é algo que as mais diversas pessoas dizem. Não se resume a artistas famosos, donos de grandes empresas, marketeiros ou designers. Pode ser o dono do mercadinho próximo à sua casa, o casal que abriu uma lanchonete no bairro, o cara que abriu uma pequena lojinha de conserto de computadores. Quem tem visão de crescimento, sabe que seu negócio precisa de propaganda.

10847789_788791034520088_4008930386936484652_n

Campanha “Se você sabe a diferença, é porque ela faz a diferença”, por PHD Propaganda.

Henry Ford disse algumas vezes que “se tivesse apenas um dólar, investiria em propaganda”. Não importa se o seu produto é novo no mercado, se quer torná-lo conhecido, precisa investir em propaganda. Talvez o negócio que você pensa em abrir já existe aos montes, mas você tem um diferencial, algo que te coloca na frente dos seus concorrentes. A única de maneira de mostrar isso ao público é investindo em propaganda. Não é gastar, é investir.

Se você vai a uma entrevista de emprego, se arruma de maneira cuidadosa, vestindo a melhor roupa (a mais adequada, é claro), o melhor sapato, arruma os cabelos e as unhas, usa um perfume que não seja forte para não incomodar. Você pensou em tudo, investiu em você, investiu na sua propaganda, porque o que você quer é voltar para casa empregado. Você investiu e quer um retorno. É exatamente da mesma maneira que funciona com os negócios e a propaganda.

Veja abaixo o que seria de algumas marcas se não tivessem tido um investimento, por Andrew Miller para seu blog Brans Spirit: