Logo em 10 minutos?

Eu preciso admitir uma coisa para vocês: eu fiquei muito tempo pensando se iria ou não escrever esse artigo. E depois disso, também demorei para decidir como o escrever.

Nós, profissionais do design, aprendemos ainda no começo de nossos estudos que para haver design é preciso que haja um processo. Processo esse envolvendo várias etapas, como briefing, pesquisa e rascunho, e que invariavelmente não é algo feito do dia para a noite.

Quando aparece alguém pedindo para que uma identidade visual seja feita “para ontem” tentamos explicar para a pessoa que isso não é possível e que existe toda uma metodologia por trás de nosso trabalho. Às vezes, dependendo da insistência ou da abordagem do possível cliente, ficamos até ofendidos com o pedido “indecente”.

Mas e se alguém lhe apresentasse um processo de criação que leva cerca de 10 minutos apenas? Pode parecer loucura e até amadorismo, coisa de “micreiro” e “sobrinho”… Pois bem, vejam o designer Aaron Draplin demonstrando como isso pode ser possível.

Apenas para constar, Aaron já prestou seus serviços para empresas como AOL, Target e NIKE, além de já ter palestrado no TED e trabalhado junto com a Adobe.

Eu não estou dizendo que a partir de agora você deve e vai conseguir fazer todos os seus trabalhos em 10 minutos, mas talvez valha a pena estudar e treinar esse método. Talvez usar um cliente apressadinho ou que tenha orçamento reduzido como cobaia. As dicas que ele dá no vídeo vão no mínimo te ajudar a aperfeiçoar o seu próprio processo.

E ai, você faria um logo 10 minutos? Acha que pode dar certo? Deixe seu comentário abaixo.