Um brinquedo que ensina a programar

Algumas pessoas acreditam que, no futuro, todas as pessoas terão que aprender programação, basicamente como se fosse uma matéria comum nos sistemas de ensino. Independente de isso se tornar verdade ou não, é uma boa ideia já começar de agora.

Pensando nisso, as empresas MAP e Made by Many se uniram para criar a Hackaball, uma bola de silicone que em seu interior abriga um microcomputador, luzes LED e diversos sensores como acelerômetro, áudio, microfone e chip de vibração. Sua função é de ensinar a crianças alguns princípios de lógica de programação de forma lúdica e divertida.

O aprendizado já começa na própria embalagem, onde as peças vem separadas e com instruções para serem montadas.

Hackaball-2

O brinquedo funciona em conjunto com um app gratuito para iOS. A interface permite que as crianças criem seus próprios jogos usando instruções simples de lógica de programação: se [ação X], então [evento Y] (if / then). Por exemplo: um jogo onde ninguém pode deixar a bola cair. Se ela encostar no chão, então ela pisca uma luz vermelha e emite som indicando o fim do jogo.

02a56abce80613d5e11f6196ee4feb2e_large

A Hackaball é provavelmente o primeiro projeto que se propõe a ensinar crianças a programar de forma realmente divertida. E além do lado didático, também há o lado do lazer, possibilitando inclusive brincadeiras ao ar livre.

Hackaball-1

Para o projeto ir adiante, os criadores estão contando com a plataforma de financiamento coletivo Kickstarter. Mais de metade da meta já foi alcançada. Você pode ajudar também e já garantir uma Hackaball para você e/ou seus filhos.

E ai, vocês gostaram da ideia? O que vocês achariam dos seus filhos aprendendo a programas assim? Deixe seu comentário.

Via Brainstorm9